De Afonso X a Afonso XI, Edição e estudo do texto castelhano dos reinados finais da 2ª redacção da Crónica de 1344
Éditeur
e-Spania Books
Date de publication
Collection
Works in progress
Langue
portugais
Fiches UNIMARC
S'identifier

De Afonso X a Afonso XI

Edição e estudo do texto castelhano dos reinados finais da 2ª redacção da Crónica de 1344

e-Spania Books

Works in progress

Offres

  • Aide EAN13 : 9782919448241
    • Fichier PDF, libre d'utilisation
    • Fichier EPUB, libre d'utilisation
    • Fichier Mobipocket, libre d'utilisation
    • Lecture en ligne, lecture en ligne
    8.99

A Crónica de 1344, da autoria de Pedro de Barcelos, filho natural do rei D.
Dinis de Portugal, é uma das mais emblemáticas obras da cultura ibérica do
século XIV, com larga fortuna em Portugal e em Castela ao longo dos séculos
seguintes. Teve, porém, uma transmissão textual atribulada – passando por uma
reformulação por volta de 1400, seguida de uma abreviação e continuação pouco
antes de 1460, além de sucessivas traduções para castelhano – da qual resultou
uma tradição manuscrita bilingue e lacunar onde não se conta nenhum testemunho
português da crónica original. Estas circunstâncias tiveram consequências na
difusão editorial do texto. Apesar de a obra ter sido objecto de duas edições
críticas, a sua secção final, contemplando os reinados castelhanos de Afonso X
a Afonso XI, permanece inédita. De facto, Lindley Cintra publicou, entre 1954
e 1990, o texto português da reformulação c. 1400, que termina em Fernando
III; quanto a Diego Catalán, deu à estampa, em 1970, a secção inicial da
crónica original, radicalmente alterada pela reformulação e que subsiste
apenas em tradução castelhana. Desta forma, a secção da Crónica de 1344
posterior à morte de Fernando III, cujo texto integral se conserva também
apenas em castelhano, continua confinada aos manuscritos. O presente trabalho
vai dar a conhecer esse relato de um passado recente, que documenta uma visão
privilegiada das relações entre os reinos peninsulares nesse conturbado
período da história ibérica e constitui uma peça chave no complexo
entrecruzamento de textos historiográficos medievais em galego-português e em
castelhano. Investigação conduzida no quadro do projecto “Pedro de Barcelos e
a monarquia castelhano-leonesa: estudo e edição da secção final inédita da
Crónica de 1344” (XPL/CPC-ELT/1300/2013), financiado pela FCT e pelo COMPET.

S'identifier pour envoyer des commentaires.